MyFuture.pt

Estás aqui:

Estou licenciado. E agora?

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

licenciado2

Acabar o curso é um momento importante da tua vida, mas sentes que queres fazer mais em termos de estudos?

Num mundo em que o aumento de competências transversais é cada vez mais valorizado e, em que o percurso académico não tem que ser necessariamente linear, podes optar por continuar a tua formação em diferentes áreas.

O importante é decidir aquilo que se ajusta mais ao teu percurso de vida, mas para isso é preciso que tenhas conhecimento dos cursos de formação avançada existentes. Assim podes fazer uma escolha mais informada.

Para isso, a Forum ajuda-te a consultar algumas das possibilidades existentes, de forma a que possas prosseguir o teu ciclo de estudos, depois de terminada a licenciatura.

 

Pós-Graduação e Especialização
Em Portugal, as instituições de ensino superior podem realizar cursos que, apesar de não conferirem grau académico, conduzam à atribuição de um diploma após aproveitamento. A estes cursos, pode dar-se o nome de Pós-Graduação ou Especialização, de acordo com a denominação atribuída pelo estabelecimento de ensino.
Em alguns, é permitido aos estudantes que se candidatem apenas a um curso de unidades curriculares equivalente ao primeiro ano do Mestrado. Em outros casos, também pode ser atribuída certificação a quem se encontre a frequentar o 2.º ciclo de estudos e não entregue tese, projeto ou relatório de estágio. Isto é, o aluno deve completar 50% do total dos créditos do ciclo de estudos que frequenta.
Existem faculdades que apresentam regulamentos mais específicos, como é o caso da Universidade de Aveiro, que define os seus cursos de especialização em três grupos – curta (12 ECTS), média (24 ECTS) ou longa duração (36 ECTS). Na UA, a oferta de pós-graduação contempla tanto o 2.º como o 3.º ciclo de estudos.
No término destes cursos é atribuída uma certificação que pode adotar nomeações como Certificado de Especialização ou Diploma de Especialização.

 

Mestrado
O mestrado apresenta duas fases diferentes de avaliação, uma primeira constituída por unidades curriculares e uma segunda que integra um trabalho de natureza científica. Este trabalho pode ser apresentado sobre três formas diferentes – dissertação, trabalho de projeto ou relatório final (resultante de um estágio de natureza profissional).
Para que seja atribuído o grau de mestre, é necessária a aprovação em todas as unidades relativas à vertente curricular, bem com a apresentação inerente à parte científica.
Existe sempre a opção de continuares o teu ciclo de estudos, com um mestrado integrado ou escolheres uma área de estudos diferente da tua base académica. Seja qual for a opção tomada pelo estudante, a orientação do trabalho será sempre auxiliada por um professor com o grau de doutoramento.
É um ciclo de estudos diferente da licenciatura, na medida em que pressupõe um trabalho de investigação independente, a desenvolver dentro de um domínio específico de estudos, ou mediante integração numa experiência laboral.
O ciclo de estudos que leva ao grau de mestre engloba 90 a 120 créditos ECTS e incluí uma duração normal de três a quatro semestres.

Número total de Mestrados em Portugal
1867 (Ensino Público)
386 (Ensino Privado)
[Fonte: Direção Geral do Ensino Superior]

 

Doutoramento
O grau de doutoramento é conferido mediante um ciclo de estudos que integra uma base de unidades curriculares tendo em vista formar os alunos para a investigação e a elaboração de uma tese final.
A duração média do doutoramento é de 6 a 8 semestres e confere entre 180 a 240 ECTS.
Assim sendo, este grau académico, inserido no 3.º ciclo do ensino superior reconhece e certifica as competências do aluno, para o desenvolver de uma investigação independente num determinado campo de estudos (ciências naturais, sociais, humanidades ou artes).
A tese a apresentar é sempre sujeita a um ato público de defesa, depois do qual deve ser conferido ao estudante o grau de Doutor.
Portugal tem vindo a aumentar o seu número de doutorados de forma significativa, sendo que, no espaço entre 2000 e 2013, aumentou em 2063 o número de estudantes graduados.

Número total de Doutoramentos em Portugal
710 (Ensino Público)
69 (Ensino Privado)